NF-e e NFC-e, quais as diferenças?

Por Rafael Castanho | 06/10/2020 | 3 Minutos de leitura | Voltar
  • Compartilhe:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Whatsapp
NF-e e NFC-e, quais as diferenças?

NF-e e NFC-e são documentos fiscais eletronicos

 

A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) e a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e) são Documentos fiscais eletrônicos transmitidos para SEFAZ via Internet.

Para a emissão desses documentos eletrônicos é necessário:

- Certificado Digital

- Credenciamento na SEFAZ

- Possuir um software emissor de NF-e ou/e NFC-e

 

Ambas possuem um documento auxiliar para visualização chamado DANFE para NF-e, e DANFE NFC-e no caso da NFC-e, sendo a DANFE NFC-e uma forma simplificada de visualização.
Vale ressaltar que esse documento auxiliar não é a nota fiscal, sendo somente como comprovante da emissão e existência da nota fiscal. Nesse documento, contem a chave de acesso, que pode ser utilizada para consulta da nota fiscal no ambiente virtual de documentos fiscais da SEFAZ.

 

Quais são as diferenças entre NF-e e NFC-e?

NFC-e

A NFC-e é utilizando para vendas ao Consumidor Final e substitui o uso do Cupom Fiscal
Ela não exige que o cliente possua um cadastro já que é para consumidor final.
Seu documento auxiliar de visualização possui um QR CODE para facilitar a consulta e informações simplificadas, mas o consumidor pode eventualmente solicitar pelo emissor a DANFE NFC-e completa caso deseje.

NF-e

Já a NF-e é utilizado para todas as outras situações, seja ela, venda, compra, devolução, retorno, transferências e até mesmo exportações.
Esse documento exige um cadastro do remetente da nota, sendo necessário CPF ou CNPJ, assim como endereço completo.
A NF-e substitui as notas fiscais impressas em modelo 1 e A1.

 


  • Compartilhe:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Whatsapp

Você pode ser interessar também