Curva ABC - o que é e como utilizar

Por Rafael Castanho | 22/10/2020 | 4 Minutos de leitura | Voltar
  • Compartilhe:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Whatsapp
Curva ABC - o que é e como utilizar

A curva ABC é um método de classificação de informações

 

Criado por Joseph Moses Juran, a Curva ABC, também chamada de regra 80/20 ou Análise de Pareto, é um método de categorização de estoque, determinando quais são os produtos de maior importância em uma empresa.
Joseph verificou que 80% dos problemas são geralmente causados por 20% dos fatores.

Segundo o livro Logística de Jóse Mexia Crespo de Carvalho, a curva abc classifica informações, para que se separem os itens de maior importância ou impacto, os quais são normalmente em menor número.
Baseado no Princípio de Pareto, ela verifica a importância de cada material, checando quantidade utilizada e o valor, assim consegue obter qual a necessidade de certo item, seja mercadoria ou matéria-prima, variando de acordo com a demanda dos consumidores.
Avaliando os resultados obtidos pela curva ABC consegue-se verifica o giro dos itens no estoque, lucratividade e quanto cada um deles afeta o faturamento da empresa.
Ela pode ainda, servir para análise de clientes, classificando quais os clientes tem maior demanda.

 

Como categorizar os itens dentro da curva ABC?

Primeiro deve-se criar uma lista de itens e separa-los por grupos, após isso, agregar cada um deles dentro de 3 parâmetros

Classe A
Itens de maior importância, valor ou quantidade
Corresponde a 20% do total

Classe B
Itens com quantidade ou valores intermediários
Corresponde a 30% do total

Classe C
Itens de menor importância, valor ou quantidade
Corresponde a 50% do total


Como Jóse Mexia Crespo de Carvalho explica em seu livro:

Itens de Classe A podem ser encaixados como itens do estoque com uma demanda de 65% num certo período;

Itens de Classe B podem ser encaixados como itens do estoque com uma demanda de 25% num certo período;

Itens de Classe C podem ser encaixados como tens do estoque com uma demanda de 10% num certo período;

Sendo que esses parametros que foram citados não são fixos, e podem variar de empresa para empresa, sendo que esses devem ser estabelecidos pelo gestor.
A analise desses parametros proporciona um entendimento maior do controle de estoque, sendo que itens dentro da Classe A devem ter maior atenção.
A utilização desse metodo otimiza os gastos e aplicações dos recursos da empresa, financeiro ou material, evita o desperdicio de materiais alem de favorecer o aumento de lucratividade.

 

Para facilitar tanto a criação quanto a análise da Curva ABC é aconselhado o uso de um sistema de ERP e gerenciamento de estoque, no qual consegue obter amostragens de saída e entrada para melhor obtenção de resultados.


  • Compartilhe:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Whatsapp

Você pode ser interessar também