Descomplicando a Gestão Financeira da sua empresa

Por Rafael Castanho | 15/09/2020 | 6 Minutos de leitura | Voltar
  • Compartilhe:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Whatsapp
Descomplicando a Gestão Financeira da sua empresa

Gestao financeira é fundamental para a organização e a má aplicação dela pode acarretar em diversos problemas e inviabilizar o negócio como um todo

 

Um conjunto de procedimentos administrativos que controlam e analisam todas as atividades financeiras de uma empresa, a gestão financeira permite uma administração correta dos recursos da empresa viabilizando uma redução nos gastos para que proporcione um crescimento e possibilite novos investimentos.

A gestão como capacita a empresa para enfrentar e contornar algum empecilho econômico e financeiro que ela possa ter, sendo assim, uma gestão organizada previne e prepara para superar essas dificuldades.

Ela varia conforme o perfil da empresa e o ramo de atuação.

Ajuda a controlar de maneira eficiente o fluxo de caixa da empresa, garantindo a gestão de pagamentos e cobranças e acompanhamento constante do capital de giro.

Controla o estoque, emissão e organização de documentos fiscais.

Garante Controle e analise periódico dos resultados.

Para que isso ocorra de maneira efetiva, alguns pontos deve ser verificados

- Elaborar um planejamento, definindo quais os objetivos, metas e quais as métricas aplicadas para medição.

- Implementação de um orçamento, ele permite uma visualização global do negocio e quais os setores ou atividades que merecem maior atenção.

- Utilizar ferramentas financeiras, facilitando a observação do  fluxo de caixa, permitindo saber o que sai e entra de capital.

- O uso de um software de gestão e automação para agilizar os processos é bem-vindo, já que otimiza os processos e ajuda os colaboradores a produzirem com maior agilidade e facilidade, reduzindo o uso de recursos financeiros e tempo pois automatiza diversas tarefas, além de gerar relatórios e organizar dos dados de forma prática.

- Analisar os dados é uma parte fundamental, com ela o gestor consegue enxergar como as estratégias adotadas estão se comportando e o quais funcionam ou não funcionam no modelo de negócios da empresa. Essa Analise ajuda e da um caminho mais exato na tomada de decisões já que identifica quais os pontos em que se deve mudar ou adotas medidas visando resultados melhores no futuro.
 

Quais os pontos o gestor deve se atentar?

Por ser um um assunto complexo, onde existem muitos processos e decisões a serem tomadas, vários pontos devem ser assinalados para minimizar erros.

  • - Conheça perfeitamente o fluxo das operações da empresa, para identificação de possíveis problemas e como lidar com eles.
     
  • - Mantenha uma rotina de analise de desempenho dos processos da empresa.
     
  • - Não negligencie a realização do fluxo de caixa, confira e avalie todas as entradas e saídas financeiras do caixa da sua empresa para ter conhecimento dos recursos disponíveis.
     
  • - Mantenha o controle do seu estoque, a falta desse processo pode acarretar em prejuízos. Basicamente um estoque não pode ter muitos itens parados e não pode ter a falta de itens, pois pode acarretar na perda de vendas.
     
  • - Fique de olho no capital de giro, ele é o responsável pela manutenção e continuidade de uma empresa, se uma empresa não tem um capital de giro suficiente ela não consegue se manter em atividades e compromete o funcionamento dela como um todo.
     
  • - Adote medidas para organização dos documentos fiscais e contábeis, automatizando e usando sistemas de gestão.
     
  • - Não misture as contas pessoais com as empresariais, isso ocorre normalmente quando o dono da empresa também é o responsável pelo controle da gestão financeira da empresa.
     
  • - Estabeleça um valor de Pró-labore (remuneração dos sócios que trabalham na empresa), para não comprometer o funcionamento da empresa, pois não estabelecer a separação das contas pode criar uma fissura no fluxo de caixa, prejudicando o capital de giro.
     
  • - Procure buscar auxílio de um contador ou de outro profissional da área para auxiliar na divisão de contas para não se atrapalhar nesse assunto.
     
  • - O uso de sistemas rudimentares (documentos em papel e planilhas em Excel) pode acarretar em problemas que podem ser resolvidos com a adoção de software específico para gestão.

 

Todos esses pontos geram um reflexo direto nos resultados da empresa.
Para obter bons resultados deve-se estabelecer rotinas e políticas administrativas e investir em inovação, acompanhando o que acontece no mercado.

 

A Gestão Financeira só é feita de forma considerada desejável, quando se analisa as informações geradas pela própria empresa no decorrer do tempo, sendo necessário investir, tempo e dinheiro.
Quando a gestão não é feita de maneira correta, pode acarretar em diversos problemas para empresa

A falta de controle e conhecimento acerca do valor de patrimônio e do capital de giro da empresa pode interromper os negócios.

A ausência de um fluxo de caixa, controle de estoque e dos valores de saída e entrada financeira pode corromper o planejamento financeiro, colocando a empresa como inadimplente ou devedora e ainda calcular erroneamente o preço de venda, gerando mais prejuízos.

Um ponto importante e recorrente, é a ausência de informações sobre o pró-labore deixando o fluxo do caixa com pontos perdidos.


Em muitos casos, as atividades empresariais começam pequenas e, por isso, não desenvolvem uma administração financeira organizada.
A melhor maneira de suprir essas necessidade é a contratação de um profissional que entenda dos processos financeiros, e caso a empresa ainda não possua a estrutura necessária para tal, pedir ajuda a uma consultoria e utilizar um sistema de gestão pode suprir a lacuna, auxiliando o desenvolvimento da empresa.

 

 


  • Compartilhe:
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar no Linkedin
  • Compartilhar no Whatsapp

Você pode ser interessar também